Comida

Coentro, hortelã, salsinha, manjericão.

Adicionar ervas nos pratos é uma maneira ótima de incrementar os minerais e nutrientes do dia a dia. Quanto mais variedade melhor. Fora que são uma delícia e acrescentam muito sabor aos pratos. Não vai conseguir usar tudo fresco? Bate com azeite e faça um azeite de ervas. Ou então misture na manteiga e faça uma manteiga de ervas. Para preparar infusão, coloque as folhas secas em água quente e espere alguns minutos. Importante: pesquise os efeitos e as contraindicações de cada erva antes de utilizar. 

O que chamamos de “chá”, popularmente, na verdade é uma infusão. Chá mesmo a gente só pode chamar a infusão das folhas da planta do chá, a Camellia Sinensis. Todo o resto dos chazinhos são na verdade infusões de plantas. 

Na infusão, a água é aquecida até ponto de fervura, então a água quente é vertida sobre a planta e a mistura fica em repouso por alguns minutos, de preferência tampada. Esta técnica é geralmente aplicada para preparação de chás de folhas, flores e frutos moídos e preserva o óleo essencial.

A hortelã é famosa por sua ação no sistema respiratório e imune, além de desinfetante e cicatrizante. Atua no sistema digestivo e hepático, contém vitamina C e substâncias antibióticas. Só não tome o chá de hortelã antes de dormir, pois em algumas pessoas ela pode dar insônia. 

O manjericão é outro aliado do sistema respiratório geral e do sistema imune – perfeito para os dias de hoje – além de ser desintoxicante, anti- inflamatório e anti-bacteriano. Existem também indicações para dores de cabeça, pedras nos rins, estresse e sistema digestivo. 

O coentro, amado por uns e odiado por outros, é presença constante na cozinha brazuca. Muita gente atribui ao coentro propriedades responsáveis por diminuir a pressão arterial, além de ser super rico em cálcio, potássio, magnésio, ferro e manganês. É desintoxicante, rico em vitaminas, como vitaminas C e K, além de ter propriedades antiinflamatórias, melhorar o funcionamento do fígado, do sistema respiratório e funções hepáticas. 

A salsinha é riquíssima em vitaminas, minerais, e age como  diurético, antiinflamatório e antioxidante. Tem altos níveis de ferro e especial vitaminas C, A e E. É estimulante uterino, alivia cólicas intestinais e flatulências, e não é indicado o uso em excesso para pessoas com problemas renais. 

16/4/2020
Comente Compartilhe
×
Contact

Rua Professor Atilio Inocenti, 811,
Vila Nova Conceição, São Paulo

Telefone:
11. 3846-0384

WhatsApp:
11. 95085-0448

We recommend making reservations - Tables above 6 people only with previous menu reservation