Divagações

Mirra. Gato com nome de planta.

 

Mirra. Gato com nome de planta.

Ela me encontrou no dia de Reis desse ano, e entre ouro e incenso, achei mirra mais nome de gato.

Estava ela lá, num buraco de muro de madeira, com menos de um mês de vida, miando na chuva.

Veio pra Sampa.

Nunca foi das gatinhas mais saltitantes. Subia nas coisas e depois miava pedindo pra descer. Quando tentava pular, machucava a patinha, miava me chamando e ficava com cara de arteira, mancando pela casa.

Faz duas semanas, num domingo, escorregou e caiu de uma mesinha baixa, tão de mal jeito que fraturou a coluna. Perdeu o movimento das patinhas de trás na hora.

Foram dois dias passando de médico em médico. Interna, deixa o bichinho chapado de remédio pra não se movimentar. Opera, não opera. Passa em dois ortopedistas diferentes. Não opera: a coluna ainda é muito pequena e não tem pino que caiba.

O jeito foi esperar a boa, velha, implacável e muitas vezes cruel natureza ( ao menos aos nossos olhos ) fazer o seu trabalho.

Desde então Mirra mora quietinha no box do meu banheiro, meio confinada pra não forçar a fratura e esperar que se consolide naturalmente.

Ficou uma semana dopada de remédio pra dor: dava pra ver ela viajando doidona com as pupilas dilatadas. Depois dormia.

Entrei com tudo o que eu conhecia de erva e óleo e floral e óleo essencial pra deixar a bichana calma, ajudar a recuperação óssea, tirar a dor, desinflamar. Banho de sol bem de manhãzinha todo dia. Comida natural reforçada com plantas carregadas em minerais, farinha de casca de ovo, e por aí vai. Seringa pela goela de remédio 2 vezes por dia ( certeza que ela vai me odiar por isso durante um tempo ).

E tá aí.

No inicio da semana peguei ela no colo assim que acordei e ela estava se espreguiçando … com TODOS os dedinhos das patas de trás esticados e mexendo. Quase deixei o bicho cair de emoção ( brincadeira ) – e não lembro de ter chorado tanto de alegria nos últimos tempos.

Desde então, contrariando a maioria dos médicos que desacreditaram que ela voltasse a andar, já faz 4 dias que apoia as patinhas de trás, fica paradinha de pé, rebola, cai, levanta, se arrasta … e está voltando a andar.

30/6/2021
Comente Compartilhe
×
Contact

Rua Professor Atilio Inocenti, 811,
Vila Nova Conceição, São Paulo

Telefone:
11. 3846-0384

WhatsApp:
11. 95085-0448

We recommend making reservations - Tables above 6 people only with previous menu reservation