Comida

Rabanetes

13913874_10153918521029163_828288306900707702_o

Raphanus Sativus! Prazer, rabanete.

Inverninho, pouca opção na horta…. mas as variedades de inverno estão bombando. Ainda estou aprendendo o manejo de plantio de cada estação, mas as couves, os brócolis, as beterrabas e os rabanetes estão lindos. Quando perguntei para uma amiga sobre o que plantar no inverno, a resposta foi fenomenal: “ah, aquelas coisas chiques da europa”! rss… e é isso mesmo, temos que procurar algumas variedades mais adaptadas ao friozinho. Semana passada aqui na Granja estava dando 3 graus durante a noite, e agora a geada acabou queimando bastante coisa. Mas amo aê.

De origem mediterrânea, ele pode ser maior, menor, mini, mais alongado, rajado. Geralmente se come só a raiz, mas as folhas também são comestíveis sim. Meio espinhudas, mas comestíveis. Eu refogo ou bato em cremes verdes. Os romanos e gregos consumiam já a milianos os rabanetes temperados com mel e vinagre ( hmm ) e muitas culturas orientais usam ele raladinho, como o nabo.

Conversas em vinagre e lactbfermentados de rabanete são o máximo. Até grelhado já fiz, e confesso que fica uma delícia. Mas no dia a dia, na preguiça, é fatiado na salada mesmo. Ou em mordidas – sou tarada por rabanete, do tipo de não deixe seu rabanete comigo, senão eu vou comer.

Os benefícios pra saúde são inúmeros, como a grande maioria dos vegetais e plantas e frutas e verdes comestíveis. Bombas de vitaminas, minerais, nutrientes e uma coisinha diferente aqui e acolá, o reino vegetal ajuda a combater doenças degenerativas, câncer, problemas cardiovasculares, pressão, problemas respiratórios, problemas de pele, envelhecimento precoce.

Ainda sobre o Rabanete e os “milagres” do mundo vegetal. Milagres? É, afinal quando você vê “benefícios de tal planta para a saúde” parece que tudo é milagroso. Bom, dependendo do ponto de vista, até é. Mas o foco não deveria ser esse. Equilíbrio é saúde, e não necessariamente temos que ver os alimentos como remédios, feitos para curar os seres humanos. Eles são natureza, assim como a gente.

Na verdade, embora a gente diga que o alimento é o melhor remédio, não é que eles são remédios. É que uma alimentação baseada em produtos naturais, principalmente do reino vegetal, simplesmente… é o normal para o seu corpo. Ou seja, corpo equilibrado é corpo saudável. Corpo saudável é corpo sem doenças. Quando a gente parar de ver a saúde como pontual e a prevenção de doenças como normal, talvez a gente comece a entender que, dando o necessário para nos mantermos equilibrados, com alimentação livre de porcarias e o mais natural possível, a doença é que passa a ser pontual. E não a saúde. E tudo, o coração, a cabeça, o pulmão, os rins… se encaixam. O corpo não precisa de muito para ser saudável. É só a gente não meter porcaria pra dentro e esperar que mesmo assim ele funcione direito.

Mas como a maioria da gente não tem uma alimentação correta, os alimentos também acabam servindo de cura e prevençÃo: sendo mais pontual, o rabanete tem algumas coisas bem interessantes: super diurético, ajuda a melhorar infecções e problemas urinários. Cheio de fibras e com baixo índice glicêmico, é ótimo para diabetes e dietas de manutenção e perda de peso. Para os febris, um sucão de rabanete ajuda a baixar a temperatura corporal. É também considerado depurativo e vai varrendo as impurezas do organismo, o que ajuda em um milhão de coisas. Ajuda no bom funcionamento do intestino e também na produção de bile, além de ser ótimo para a pele por conta de seus antioxidantes, vitaminas e muita água. Ainda na pele, a aplicação dele ralado ou em suco ajuda a diminuir inflamações, picadas de inseto e afins.

 

30/8/2016
Comente Compartilhe
×
Contact

Rua Professor Atilio Inocenti, 811,
Vila Nova Conceição, São Paulo

Telefone:
11. 3846-0384

WhatsApp:
11. 95085-0448

We recommend making reservations - Tables above 6 people only with previous menu reservation